23 fevereiro 2007

Sem reacção

Quando alguém faz anos, se não podemos (ou não queremos) ligar mas se pretendemos mostrar que não nos esquecemos daquela data, a melhor escapatória é resolver tudo com um simples SMS sincero.
Isto é o que eu penso. Contudo, ontem aconteceu-me uma coisa surreal, quer dizer, pelo menos eu não faria aquilo a ninguém.
Vamos debruçar-nos sobre a hipótese de se mandar o tal SMS. O aniversariante recebe a mensagem e o que é que tem de fazer?

1- Esboçar um sorriso por ver que não se esquecerem daquele dia especial;
2- Retribuir com outro SMS dizendo que recebeu e agradecendo; ou
3- Chegar ao ponto de ligar para quem mandou a SMS

Realmente, às vezes não contam as palavras, mas sim como são ditas e de quem elas vêem. O "diálogo" foi:

"Olha, Parabéns! Mandei-te uma mensagem no teu dia de anos mas nem sequer te deste ao trabalho de me responder!"

Por favor! Eu ouvi mesmo isto? Acho que na altura fiquei com uma expressão que traduzia em pleno o que estava a sentir. Ignorar ou responder á letra?
Bem, perante tal situação preferi ficar pelas simples palavras:
"Sim, eu sei. Recebi a SMS e se ainda for a tempo, obrigada!"

Mas que grande lata ! Será que no meu dia de anos tenho que retribuir todos os SMS ?
Se calhar é melhor activarem o serviço de entrega de relatórios de mensagens para terem a certeza de que estas chegam ao destinatário.

De qualquer das formas é melhor deixar aqui o meu pedido de desculpas a todas as pessoas que me enviaram uma mensagem no meu dia de anos e não respondi!

Aviso: aquelas pessoas que tiveram o privilégio de terem resposta da minha parte não se acusem. Correm o risco de algumas represálias por parte dos lesados

1 comentário:

Fred disse...

Há pessoas com muita lata ! Aposto que se esta pessoa te visse no teu dia de anos nem sequer tinha reacção para fazer este comentario, pk tu estavas capaz de deiaxr qq um de boca aberta. já nao te via ha uns meses e fikei parvo. Miuda toma cuidado contigo. Espero que te apercebas que essa bomba que está dentro de ti está capaz de rebentar e vitimar o sexo oposto !